quinta-feira, 20 de dezembro de 2018

LULA, BOLSO, DILMA, MARCO AURÉLIO E O GOLPE. UMA ANÁLISE DO PROFESSOR RICARDO DE OLIVEIRA

    Nas redes sociais, o professor da Universidade Federal do Paraná, Ricardo Costa de Oliveira, analisa esse momento (pra variar...) conturbado da política brasileira...

Lula é indiscutivelmente o centro da política brasileira e interrompeu a primeira reunião do Ministério do Bolso. Desde o processo do Golpe contra Dilma vivemos um regime de exceção com farsas judiciais abertas e escancaradas. Marco Aurélio só seguiu a Constituição para tentar se poupar um pouco da vergonha histórica da prisão política de Lula. O jogo de chicanas da direita recomeçará porque temem o grande prestígio e a popularidade de Lula, temem a liberdade de Lula e sabem que mesmo depois das denúncias de fraudes e irregularidades nas eleições sem Lula não garantiram legitimidade e credibilidade para a famiglia Bolso, cada vez mais acuada moralmente pelos laranjas do motorista sem  nenhuma investigação ou palavra dos mesmos procuradores e juizecos, que só agem contra a liberdade de Lula, sistema judicial e legislativo patrocinador do atual regime golpista de exceção e instabilidade que vivemos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário