quarta-feira, 13 de novembro de 2019

BOLÍVIA: ELA IA PASSANDO PELO PALÁCIO, VIU A CADEIRA PRESIDENCIAL VAZIA, SENTOU E DISSE: "SOU A NOVA PRESIDENTE!"

    Com o golpe contra Evo Morales, que foi obrigado e renunciar e pedir asilo político ao México, ficou um "vazio de poder" porque o vice de Morales; o presidente do Senado; e o presidente da Câmara também renunciaram.
    Desde domingo, a Bolívia estava sem um comando. Aí o que acontece? A vice-presidente do Senado, louraça oxigenada Jeanine Añez, estava fazendo um "tour" pelo Palácio, viu a cadeira presidencial vazia e decidiu ocupar o lugar. Sentou e declarou: "Sou a nova presidente!"
    Não foi bem assim, mas...é por aí...E a situação é grave: ela não foi nem eleita pelo Congresso. Não teve votação. Oposicionista "ferrenha" de Morales, afirma que está "cumprindo a Constituição". Imagine se não estivesse...Promete, no entanto, convocar eleições "o mais rápido possível".
    O deprimente e lamentável de tudo isso: o Brasil a reconhece como presidente...


FANÁTICA RELIGIOSA: UMA BÍBLIA NA MÃO E NADA NA CABEÇA...AH, SIM! ÁGUA OXIGENADA!

Nenhum comentário:

Postar um comentário