segunda-feira, 9 de dezembro de 2019

QUANDO A FOLHA FALHA..."SEM QUERER QUERENDO"

    A "Folha de S. Paulo, que faz parte do time do baronato da imprensa brasileira, não errou. Digamos que ela não foi "precisa"... É que a manchete que "deu" sobre obras da Odebrecht em Cuba podem dar margem à várias interpretações. Cita que Lula "pediu obra em Cuba". Isso pra "atiçar" a dúvida do leitor/eleitor, que fica se perguntando: Qual seria o interesse de Lula em Cuba? Ideológico? Econômico? Bora esclarecer que esse nem é o assunto principal da entrevista. Marcelo Odebrecht (que ficou um tempo preso por acusação de corrupção...) apenas cita o petista num trecho da conversa. Mais: Segundo ele, o ex-presidente não defendia "interesses" da empreiteira. Lula pedia que todas as empresas brasileiras que pudessem, que fizessem obras em outros países. Uma condição, inclusive, imposta pelo empresário para a entrevista: Que não falasse sobre a Lava Jato.
    Poizintão: Note, amigo(a) navegante dos mares bravios da internet, a manchete ao lado: "Moro se firma como o mais bem avaliado no ministério". Estaria, desde já, o jornalão dos Frias em busca de uma alternativa conservadora pra 2022, já que o "seu Jair" está despencando no gosto popular?




Nenhum comentário:

Postar um comentário