terça-feira, 5 de novembro de 2019

MORO ( O MESMO QUE "INOCENTOU" ONYX) DIZ QUE JAIR "NÃO COMETEU CRIME" AO TER ACESSO ÀS FITAS DO CONDOMÍNIO

    Você lembra que o ministro da Justiça, Sergio Moro, já "inocentou" o ministro chefe da Casa Civil, Onyz Lorenzoni que confessou Caixa 2 numa campanha eleitoral? À época, disse o ex-juiz da Lava Jato: "Ele já confessou o erro. Então tá tudo certo!"
    No caso do Clã Bolsonaro se apropriar das fitas da portaria do codomínio onde Jair morava (que poderiam ter o diálogo entre o porteiro e "alguém" da casa 58), Moro afirmou num jantar promovido pelo portal "Poder 360":
    "Seria obstrução de Justiça destruir a prova. Tirar cópia não é obstrução de forma nenhuma.[...] Você tem um documento que te prova inocente. Se você for lá, tirar uma cópia, e o original ficar lá, não é obstrução.[...] (Bolsonaro) tem uma personalidade forte, então às vezes ele reage de uma maneira intensa. A imprensa segue fazendo suas matérias, não existe cerceamento da liberdade de expressão. Quem tinha uma pauta de controle social da imprensa era o concorrente".
    Bora Pensar! Curioso esse conceito de obstrução de Justiça: Se você "apenas" tira cópia de um documento (que pode te incriminar...) isso não é obstrução. Repito: O suspeito/acusado ter acesso à provas (que podem incriminá-lo...) é normal???
    Outra coisa: Jair chama empresas de comunicação de "lixo", "nojentas", "porcas" e isso é apenas ter "personalidade forte"? Não é, no mínimo, falta de respeito à liturgia do cargo? Falta de educação, mesmo???


BOLSONARO FAZ O QUE QUER: AMÉM!

Nenhum comentário:

Postar um comentário